Bloqueios de caminhoneiros atingem 70 pontos de 11 estados e do DF

Vídeos mostram pneus pegando fogo em trechos das rodovias federais REPRODUÇÃO RECORD TV

Apoiadores do presidente Jair Bolsonaro fecham seis trechos da BR-163 em ambos os sentidos da via Dutra em manifestação contra a eleição de Lula

Com informações R7

Protestos promovidos por apoiadores do presidente Jair Bolsonaro contra a eleição de Luiz Inácio Lula da Silva (PT) interditam 70 pontos de 11 estados e do Distrito Federal na manhã desta segunda-feira (31), de acordo com a PRF (Polícia Rodoviária Federal). Entre os pontos de bloqueio aparecem seis trechos da BR-163 em Mato Grosso, enquanto a via Dutra foi impactada em ambos os sentidos em trecho no Rio de Janeiro.

A CNTA (Confederação Nacional dos Transportadores Autônomos) divulgou balanço às 9h em que informava 19 pontos de interdições em rodovias, dos quais seis em Mato Grosso, seis em Santa Catarina, dois no Rio Grande do Sul, dois no Paraná, um em Minas Gerais e um no Rio de Janeiro.

Em vídeos que circulam na internet, é possível ver pneus pegando fogo em trechos da BR-163, importante rota de transporte para produtos do agronegócio em Mato Grosso em direção aos portos do Arco Norte, como o de Miritituba, em Itaituba, no Pará.

Em Barra Mansa, no Rio de Janeiro, há interrupção em ambos os sentidos da via Dutra, rota de interligação do estado com São Paulo, no km 281, segundo boletim às 9h19 da concessionária da rodovia, a CCR RioSP, da CCR.

As manifestações geravam cerca de 26 quilômetros de lentidão ao todo, e foi implantada uma operação de contingência no km 303 da pista sentido Rio de Janeiro para desvio de tráfego, segundo a concessionária. A PRF estava no local, disse a CCR Rio-SP.