Elon Musk restaura conta de Donald Trump no Twitter

Elon Musk e Donald Trump

O homem mais rico do mundo e agora também proprietário do Twitter, Elon Musk, realizou uma enquete na rede social, neste sábado, dia 19 de novembro, para saber se restabelecia a conta do ex-presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, na plataforma.

O republicano foi banido da rede social em janeiro de 2021 depois de ter sido acusado de incitar a invasão ao Capitólio.

O CEO da Tesla e Space X que, há tempos, vem manifestando o desejo de que a plataforma seja livre do discurso politicamente correto e da censura prévia a temas e pessoas, questionou o público e o resultado foi estrondoso. Trump recebeu, mais ou menos, um milhão de votos por hora a seu favor e ganhou por maioria.

– Vox Populi, Vox Dei – escreveu o bilionário em latim, que quer dizer “a voz do povo é a voz de Deus”. Em seguida, ele reativou a conta de Trump.

Em outra publicação, Elon Musk disse:

– Fascinante assistir à votação da enquete Twitter Trump – desabafou.
(Reprodução/Internet)

Tweet de Elon Musk sobre enquate de Trump

Além do ex-presidente americano, o psicólogo, professor e escritor Jordan Peterson, a comediante Kathy Griffin e o portal de notícias de direita The Babylon Bee também foram reintegrados à rede social.

Ainda faltam voltar à ativa vozes conservadoras como o tenente-general aposentado Michael Flynn, Marjorie Taylor Greene, Mike Lindell, Jim Hoft, Project Veritas, Naomi Wolf, James Lindsay e muitos outros.