#RIPZelenko, #RIPWong

Alguns heróis salvam milhões de vidas, mas continuam praticamente anônimos.

Morreu na última quinta-feira, dia 30 de junho, o médico ucraniano Vladimir Zelenko, um dos primeiros defensores do Tratamento Imediato e Precoce do  vírus chinês por meio do que ficou conhecido como “kit covid”, que incluía os medicamentos hidroxicloroquina, azitromicina, vitamina D e zinco. Dr.Vladimir Zelenko morreu aos 48 anos, vítima de um câncer de pulmão.

O trabalho de Zelenko, no  Interior dos Estados Unidos, tratou com sucesso mais de 700 pacientes e inspirou Donald Trump a defender o emprego do protocolo nos Estados Unidos. O kit covid foi ainda defendido, juntamente com outros  tratamentos em estudo, pelo presidente brasileiro Jair Bolsonaro, com base no relato de pesquisas promissoras em andamento ou na experiência clínica de virologistas e infectologistas renomados do Exterior  – como o francês Didier Rauolt – e do Brasil – como Anthony Wong, médico-chefe do Centro de Assistência Toxicológica do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo.

Dr.Anthony Wong, do HC da USP (Reprodução Redes Sociais)

Ou ainda nomes como o neurocirurgião Dr. Paulo Porto de Melo; a ex-secretária de Saúde de Porto Seguro, na Bahia, Dra. Raissa Soares; a oncologista Dr.Nize Yamagushi, com mais de 40 anos de exercício da profissão no hospital israelita Albert Einstein; e ainda os médicos da pequena Porto Feliz, a menos de 100 km da Capital paulista.

Além de milhares de outros médicos brasileiros que tiveram a coragem de assinar manifestos públicos em defesa desse e de outros protocolos, desafiando a imensa maioria da Imprensa mercenária que colocou-se à serviço dos gigantescos lobbies da Indústria Farmacêutica.

Médicos que adotaram este e outros protocolos com sucesso no tratamento da peste chinesa, defendendo com coragem a prerrogativa da liberdade médica, enquanto ignoravam à “pós-verdade” criminosa da cultura esquerdista do cancelamento.

Médicos vocacionados, que por meio do intercâmbio de informações e experiências clínicas acumuladas por milhares de profissionais de Saúde ao redor de todo mundo,  ignoraram à perseguição pela Velha Imprensa mercenária de Extrema-Esquerda.

Vassala de lobbies farmacêuticos, essa vergonhosa Imprensa Vermelha repetia criminosamente mantras mentirosos como “medicamentos tóxicos”, “ineficazes” ou “sem comprovação científica”.

Discurso reforçado pela desacreditada Organização Mundial de Saúde (OMS), que como órgão voltado para a Saúde, revelou-se apenas uma eficiente representante comercial da China e uma péssima e desorientada agente política.

Obrigado, Dr. Zelenko! Obrigado, Dr.Wong!

Meus agradecimentos a todos os médicos que tiveram a coragem necessária para enfrentar um gigantesco Sistema corrupto e degenerado.

Que Deus se lembre de todos! E os receba em Sua glória!

#RIPZelenko
#RIPWong